De zumbis remodelados a pesadelos taiwaneses: os 5 jogos de terror mais macabros de 2019

O mundo dos games trouxe muitas surpresas e maravilhas macabras em 2019. Separamos os cinco jogos de terror mais intensos, originais e marcantes do ano.

O cinemão de terror de 2019 trouxe algumas belas pérolas (os indies foram a verdadeira resistência, mais uma vez!), mas o mundo do entretenimento eletrônico interativo foi cheio de surpresas e maravilhas macabras.

Separamos aqui cinco dos jogos mais intensos, originais e marcantes de 2019 – evidentemente que trata-se de uma listinha particular, mas a ideia é continuar a discussão. Conte-nos nas redes sociais quais são os seus jogos de terror preferidos de 2019.

BLAIR WITCH

Games de terror de 2019: Blair Witch
Bloober Team // 20 anos depois da revolução cinematográfica que foi “A Bruxa de Blair”, chocando toda uma geração, uma das mais icônicas desenvolvedoras de videogames de terror da atualidade, a polonesa Bloober Team (a mesma de “Layers of Fear”), entrega uma experiência extremamente válida dentro do universo criado por Daniel Myrick e Eduardo Sánchez. Incorporando o “found footage” ao gameplay e a ajuda do fiel companheiro, o pastor-belga Bullet, “Blair Witch” é inteligente e assustador.

OBSERVATION

Games de terror de 2019: Observation
No Code – Devolver Digital // O terror entre as estrelas tem muito espaço em videogame e “Observation”, dos mesmos criadores do adventure textual barra-pesada “Stories Untold”, subverte o conceito nos colocando não nos controles de um astronauta ou engenheiro espacial, mas sim de uma IA. Como o acrônimo S.A.M, a princípio, obedecemos as ordens da astronauta residente e operante na base intergalática, só que as coisas, pouco a pouco, vão ficando mais e mais macabras. “Observation” é diferente de tudo que você já viu, garantimos.

RESIDENT EVIL 2

Games de terror de 2019: Resident Evil
Capcom // Um dos mais populares e queridos dentre a franquia “Resident Evil” ganhou uma reimaginação a altura de seu legado, fazendo de “Resident Evil 2” um dos maiores jogos de 2019, não só em terror, mas em todos os gêneros. O primeiro dia de trabalho de Leon em Raccoon City e a busca de Claire por seu irmão, Chris, recriados na espetacular RE Engine, reforçaram o terror na franquia – e o mesmo será empregado no vindouro remake de “Resident Evil 3”, com lançamento previsto para abril deste ano.

LORELAI

Games de terror de 2019: Lorelai
Harvester Games – Screen 7 // O capítulo final da trilogia “The Devil Came Through Here”, “Lorelai”, faz jus aos trabalhos passados do game designer Rem Michalski, auto-intitulado “O Stephen King dos games de terror”. Caso você nunca tenha ouvido falar de jogos como “Downfall” ou “The Cat Lady”, chegou a hora. “Lorelai”, assim como seus antecessores, aborda temas tidos como tabu, ainda mais em videogame, como depressão e suicídio, num formato que atualiza os adventures clássicos.

DEVOTION

Games de terror de 2019: Devotion
RedCandleGames // O mais impactante e inesquecível jogo de terror de 2019 foi simplesmente apagado da existência por conta de complicações judiciais, governamentais e morais em seu país de origem – não cabe aqui discutir as rusgas existentes entre Taiwan e China, mas sim manter viva a memória de um dos trabalhos mais impactantes dentro do gênero nos últimos anos. Uma forma de conhecer a RedCandleGames, é pelo seu primeiro projeto, “Detention”, disponível em diversas plataformas. Não é sempre que crítica social, cultura local, folclore e o sobrenatural se misturam de forma tão inexoravelmente cruel e impactante. Caso “Devotion” veja a luz do dia novamente em algum lugar, de certo falaremos mais sobre aqui no Macabra.

Compartilhe:
pin it
Publicado por

Apesar de não saber interagir com jovens, dedica quantidades insalubres de seu tempo ao entretenimento eletrônico, tal qual Fantasma na Máquina, e sua faceta macabra, a preferida, se faz razão para continuar.